Quanto ganha um instrumentador cirúrgico odontológico?

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

instrumentador

instrumentador

Ao prospectar uma carreira para o futuro, é natural pensarmos no quanto esta carreira será lucrativa. Esta não pode ser a única questão na hora da escolha, mas é com certeza, uma das questões decisivas para o futuro profissional.

A questão preponderante deve ser focada nas aptidões pessoais, o que a pessoa fará de melhor no mercado de trabalho. Se este for o foco principal, certamente a pessoa escolherá uma profissão que lhe dará prazer, na qual gostará de atuar.

A partir daí, o foco pode ser o quanto ganhar. E se o quanto ganhar estiver ligado ao gostar da profissão, certamente os ganhos podem ser incrementados. Esta premissa pode ser válida para o profissional da instrumentação cirúrgica em odontologia. O gostar da profissão, com certeza, otimiza as atividades no mercado de trabalho, pois o profissional buscará atuar da melhor maneira possível.

Neste post vamos contar o quanto ganha um instrumentador cirúrgico odontológico, mas estamos falando de um bom profissional, daquele que os cirurgiões dentistas querem ter em sua equipe. Acompanhe:

Ao atuar integralmente como instrumentador cirúrgico odontológico

É possível o profissional atuar em clínicas ou consultórios odontológicos integralmente na área da instrumentação. Hoje, cada vez mais há clínicas especializadas em procedimentos diversos, como em implantes dentários ou a dentística, por exemplo.

Nestes casos a presença do instrumentador será primordial, pois os procedimentos serão constantes. Assim o instrumentador cirúrgico odontológico pode ser contratado com carteira assinada e com todos os benefícios previstos em lei, como férias e décimo terceiro salário.

Como a profissão do instrumentador cirúrgico odontológico não é regulamentada por lei, ela ainda não conta com piso salarial estabelecido, portanto os salários podem variar muito, dependendo do estabelecimento de trabalho – grandes clínicas ou em pequenos consultórios -, ou da localidade – grandes centros urbanos, ou cidades do interior.

Além de clínicas e consultórios, o instrumentador cirúrgico odontológico pode atuar ainda em fábricas ou empesas de montagem de instrumentos voltados para a saúde bucal. Apesar das variações, a média salarial deste profissional costuma ser de R$ 1,5 mil. Sendo que os maiores salários encontrados na área da instrumentação odontológica ficam em torno dos R$ 3 mil.

Ao atuar por procedimento cirúrgico

O profissional da instrumentação pode ainda escolher atuar por procedimentos cirúrgicos. Ou aliar o trabalho mensal com algumas intervenções adicionais. O que pode incrementar bastante a sua renda mensal.

A atuação adicional do instrumentador cirúrgico em odontologia pode render de R$ 200 a R$ 450. Valores esses que variam muito devido a complexidade do procedimento odontológico. Cirurgias de trauma ou as cirurgias ortognáticas – aquelas de visam corrigir deformidades faciais -, costumam ser mais complexas.

Já as cirurgias menores podem render um adicional de R$ 200 para o instrumentador cirúrgico odontológico. Mas para garantir a realização de cirurgias, tanto menores quanto as mais complexas, o ideal é que o instrumentador a componha uma equipe cirúrgica odontológica. E para isso deve garantir a qualidade de seu trabalho.

Como falamos no início deste texto, o instrumentador cirúrgico odontológico pode otimizar a sua atuação. E desta maneira ser mais requisitado tanto em cirurgias adicionais como em empregos melhores. E para isso primeiramente é necessária a realização de uma capacitação profissional. Hoje o mercado educacional oferece bons cursos para o instrumentador se qualificar e se atualizar. Para saber mais acesse o nosso blog.

higienização das mãos no processo odontológico

 

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×