3 dicas para negociar com seu chefe um bom salário como instrumentador cirúrgico

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

instrumentador cirúrgico

Acabou de finalizar o curso de instrumentação cirúrgica em odontologia e não sabe como negociar um salário diferenciado? Vamos iniciar este artigo contando as formas de atuação desse profissional no mercado de trabalho. Há duas maneiras de atuar como instrumentador cirúrgico e, portanto, duas formas de receber para isso.

A primeira é ser contratado para atuar exclusivamente como instrumentador cirúrgico, em clínicas que realizam diversos procedimentos, ou até mesmo em hospitais que realizam intervenções odontológicas.

A segunda delas, e a mais comum, é atuar como instrumentador cirúrgico por procedimentos. Ser contratado a cada intervenção realizada. Essa é a forma mais usual, e também a mais vantajosa. Já que em procedimentos odontológicos, o profissional costuma receber valores a partir de R$ 200,00 a cada cirurgia realizada.

Explicado as diferenças na atuação do instrumentador cirúrgico em odontologia, vamos agora às dicas de negociação:

Pesquise o salário do instrumentador cirúrgico em odontologia na sua região

Essa dica vale para as duas categorias de instrumentadores, os que trabalham mensalmente ou os que fazem os chamados freelas. Primeiramente a dica é pesquisar o quanto estão pagando para os profissionais da instrumentação na região onde mora.

Dependendo da localidade, os salários ou valores pagos por procedimentos podem ter grandes diferenças. Em grandes centros, por exemplo, os salários costumam ser maiores. Mas o custo de vida também é.

Com base nos valores médios do instrumentador cirúrgico em mãos, o profissional pode conversar com o chefe e chegar a um valor que fique bom para ambos. Lembre-se que bons profissionais são mais valorizados no mercado.

Negociando por procedimentos cirúrgicos

Negociar sempre é uma boa pedida. Caso o instrumentador cirúrgico em odontologia esteja atuando e recebendo por procedimento. A pesquisa e a conversa anterior com o cirurgião dentista são essenciais. Isso porque quanto mais complexa é a cirurgia maior o valor pago.

Mas o bom senso deve estar presente na hora da negociação. Se o instrumentador cirúrgico é chamado sempre por uma equipe, e conta com diversos procedimentos agendados, pode-se combinar anteriormente o valor pago para fazer a instrumentação em todos.

Mas lembre-se: negociação sim, desvalorização não. Todos os profissionais capacitados devem valorizar o seu trabalho e mostrar que eles merecem um salário adequado ao seu conhecimento e experiência.

Comprove sua experiência e resultados

Se o seu caso é a atuação como freelancer, o chefe da equipe que o instrumentador cirúrgico em odontologia atua frequentemente pode indicar o profissional da instrumentação para seus colegas de profissão. Aí vale aquela negociação que citamos anteriormente.

Uma boa atuação, aliada a bons profissionais e resultados satisfatórios, pode ser um ótimo cartão de visitas.

Como diz o ditado: a prática leva a perfeição. Depois das primeiras negociações do salário do instrumentador cirúrgico em odontologia, as demais virão naturalmente. Além disso, o profissional já saberá os valores referentes a todas as intervenções. Afinal, o valor depende da complexidade e do tempo cirúrgico, que o instrumentador terá na ponta da língua.

E então, já sabe como negociar o seu trabalho como instrumentador cirúrgico? Se ainda está em dúvida acesse o nosso blog. Lá tem diversas informações que poderão lhe ajudar.

 instrumentador cirúrgico

 

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×