3 conhecimentos indispensáveis para qualquer técnico de saúde bucal

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

Ceaico 3 conhecimentos indispensáveis para qualquer técnico de saúde bucal

Componente de equipes odontológicas, o Técnico de Saúde Bucal (TSB) é um profissional cada vez mais requisitado no mercado de trabalho. A regulamentação de sua atividade só chegou em 2009, após promulgação da lei 11.889/2008, mas a função já é centenária. Registros dão conta que uma das primeiras experiências com um ‘higienista dental’ datam de 1913, nos Estados Unidos.

No Brasil, os debates em torno dos profissionais que atuavam como auxiliares na odontologia, chamados na época de Atendentes de Consultório Dentário (ACD) e Técnico de Higiene Dental (THD) – hoje Auxiliar de Saúde Bucal (ASB) e Técnico de Saúde Bucal (TSB) respectivamente – começaram com um parecer do Conselho Federal de Educação 475/1975. Desde aquele ano se falava sobre a formação destes profissionais, que compunham as equipes.

Anos mais tarde, em 1984, o Conselho Federal de Odontologia (CFO) começou a disciplinar e a fiscalizar as atividades dos ACD e THD. Os textos do CFO é que deram base à lei posterior 11.889/2008.

Com debates recentes no país, muito se discute ainda sobre as qualificações e atividades destes profissionais, que contam com habilidades e funções diferenciadas, mas todas elas sob a supervisão de dentistas. Neste post vamos falar sobre os conhecimentos indispensáveis para o técnico de saúde bucal. Confira:

Prevenção de doenças bucais

A prevenção da saúde bucal, bem como a orientação direta dos pacientes, deve estar entre os conhecimentos indispensáveis do técnico de saúde bucal. Ele pode organizar campanhas e ações educativas relativas a hábitos que venham a vir a causar doenças bucais, como a ingestão excessiva de açúcar, tabagismo, e o alcoolismo, por exemplo.

Estes profissionais, além de atuarem em clínicas e consultórios odontológicos, fazem parte de equipes de saúde pública. Através de programas implantados pelo Governo Federal, como o ‘Brasil Sorridente’, ele atua fortemente na prevenção. Estudos apontam, por exemplo, a diminuição de cáries dentárias entre a população com esta atuação de equipes odontológicas, na qual o técnico de saúde bucal atua.

Higiene para o Técnico de Saúde Bucal

O nome foi alterado, mas a função de higienista lá de 1913 continuou. A Higiene Bucal está entre as funções do Técnico de Saúde Bucal. Esta é uma das competências do profissional que está prevista na lei 11.889, bem como a prevenção de doenças bucais com a aplicação tópica de flúor. Isto conforme a orientação do cirurgião dentista.

Procedimentos simples da odontologia

Procedimentos simples da odontologia também devem estar dentre os conhecimentos do Técnico de Saúde Bucal. Além da aplicação tópica do flúor que citamos acima, o profissional está apto a realizar a remoção de biofilmes e também a realização de suturas.

Lembramos ainda que a remoção do biofilme, ou placa bacteriana, vai de encontro a outra função do técnico de saúde bucal, já que também faz parte da higienização, e da prevenção de doenças bucais. A placa bacteriana é uma das maiores causadoras das cáries.

Estes são apenas alguns dos conhecimentos indispensáveis ao profissional que atua como Técnico de Saúde Bucal. Com a regularização, ele aprende tudo através de cursos técnicos e após sua finalização, com a certificação do Conselho Regional de Odontologia de seu Estado. Uma boa atuação deste profissional pode melhorar e muito o atendimento tanto em consultórios e clínicas particulares como nas unidades básicas de Saúde Pública. A prevenção e a promoção da saúde são essenciais para todas as comunidades, e a função do TSB também.

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×